Palavras Amigas‎ > ‎Estantes‎ > ‎Mandamentos de Jesus‎ > ‎

87 Acautela-te contra as agressões espirituais

Não temais os que matam o corpo, porém não poem matar a alma; temei mais o que pode destruir na Geena tanto a alma quanto o corpo. Mt 10:28


Contexto: Instruções de Jesus ao enviar seus discípulos para“anunciar o reino de Deus, curar os enfermos, erguer os mortos, purificar os leprosos, …


Textos associados

Não nos introduzas em tentação, mas livra-nos do mal Mt 6:13

Vigiai e orai para que não entreis em tentação; o espírito está pronto , mas a carne é fraca. Mt 26:41


Geena: derivada do vocábulo Ge Hinan (Vale do Hinnom). Nesse local havia uma estátua de Moloc, Deus filisteu. Na cabeça da estatua havia uma abertura, e na parte de baixo os sacerdotes acendiam uma fogueira. No culto filisteu eram lançadas criancinhas vivas pela cabeça do Deus que ao cair eram queimadas vivas. Posteriormente o rei Josias de Israel, expulsou os filisteus e destruiu essa estátua, transformando o local em depósito de lixo de Jerusalém, onde também eram atirados os restos de animais mortos. Periodicamente esse lixo era queimado. O local era conhecido como o Vale dos Gemidos e também associado a ideia do fogo que purifica.


Temer: o verbo traduzido como temer, poderia também ser traduzido como: “sejam cautelosos”, “tomem cuidado”, “não subestimem o perigo”, …


Reflexão:

As agressões espirituais, notadamente as obsessões, atingem o âmago do espírito, e podem levá-lo a grandes dores. principalmente quando o agredido envereda pelo mal moral, cometendo atrocidades, pois a pratica do mal moral além dos dos sofrimentos morais acarreta sofrimentos físicos, tal é o caso, por exemplo, dos processos obsessivos que levam ao suicídio; o suicida renascerá, possivelmente, com deformidades diversas, como a cegueira, a hemiplegia, etc.


Se muita vez a agressão material é inevitável, a agressão espiritual pode sempre ser amenizada pela vigilância e oração.


Um dos métodos da agressão espiritual é persuadir a vítima a fazer coisas horríveis, disfarçando-as como atos heróicos ou nobres.
Comments